Rodízio de alunos em São Paulo!


Abra o link EducaFórum - os textos e leia a matéria publicada no jornal Agora São Paulo dia 20/02, sobre a EE Soldado Eder Bernardes dos Santos, no Itaim Paulista, onde os alunos estudam em dias alternados, para compartilhar o uso das salas de aula. A escola está literalmente caindo aos pedaços, não tem qualquer proteção e as salas de aula são invadidas por qualquer um, até por cachorro. Os pais de alunos chamaram a imprensa na escola, mas pediram para não serem identificados. Por que será?!... (Apenas porque seus filhos não têm outra opção a não ser estudar naquela escola, onde serão perseguidos se for descoberto que seus pais denunciaram essa vergonha.)

Sr. Chalita, essa é para o senhor, pois sua "Ouvidoria" está completamente surda. Que tal dar um passeio até a Zona Leste e conferir o estado dessa e das outras escolas da região? Leve a imprensa junto, não se esqueça que é candidato!
O mesmo passeio vale também para o Ministério Público, cadê o MP?...
Alô Conselho Tutelar que atende a escola, cadê você?...

Comentários

Glória disse…
Não me lembro quem foi que disse: uma criança na rua é uma ilha cercada de omissão por todos os lados. Eu sempre coloco que o que falta no Brasil são as instituições funcionarem, serem administradas por "gente" e não por um monte de burocratas insensíveis e empregadores (que empregam seus amigos e parentes). Temos instituições aos montes, funcionários públicos aos montes (desculpem, temos que chamá-los de "servidores públicos" porque dizem que servem ao povo), leis aos montes, verbas aos montes, e toda essa parafernália não serve para manter as crianças pobres na escola. E elas vão cair onde todos sabem: na marginalidade. Aí, as manchetes de jornais lhes dão a primeira página com o codinome de pivete ou bandido. E ninguém vê, ou não querem ver (O ensaio da cegueira, de Saramago)que ali está o menino que a instituição escola expulsou com sua insensibilidade, seu autoritarismo, sua impunidade...