27 dezembro 2007

Feliz Ano Novo, professora!


Recebemos uma linda mensagem da professora Regina Milone e não poderíamos deixar de publicá-la! Regina, muito, muito obrigado pelo seu carinho, pela sua participação e pelo seu interesse por este movimento de pais de alunos, geralmente tão mal interpretado pelos profissionais da educação. Você, a Glória Reis, a Marta Bellini, o João Batista do Nascimento, o Leandro e todos os professores que nos prestigiam são como navios que nos permitem atingir a terra firme, dentro desse "mar revolto" que é a educação no Brasil. Ah, se cada um de vocês pudesse lotar seu navio com mil educadores, como seria mais fácil transformar as escolas!...

Amigos e amigas queridíssimos,
Fim de ano... Fim de ciclo.
Tanto para rever, repensar.... Virar a página de algumas coisas e sentir saudades de outras...

Desejo, em 1º lugar, que este fim de ano seja:
- de reflexão em relação a tudo que passou;
- revisão de acertos e erros, descobertas e redescobertas;
- sinceridade, honestidade e verdadeira auto-crítica, para que possamos, cada um de nós, sermos pessoas melhores no ano que virá.

Se formos capazes de, com coragem, encararmos o que há de mesquinho em nós (lembrem-se do maravilhoso Poema em Linha Reta, do grande Fernando Pessoa), o que há de maldoso e, a partir daí, procurarmos melhorar primeiro a nós mesmos, antes de julgarmos uns aos outros (cada um é que sabe onde aperta seu calo...), aí sim poderemos nos engajar de verdade nessa busca de um amor maior entre os seres vivos, solidariedade, fraternidade e paz. Não adianta desejarmos tudo isso se não fizermos a nossa parte no dia a dia, não só em datas especiais como o Natal e o Reveillon.

Desejo que lembremos sempre que o amor é um sentimento generoso, que não se economiza, pois é como uma cornucópia: quanto mais se dá, mais se tem. E essa abundância de amor é a maior força do bem que ainda existe nesse nosso mundo louco.
Por isso, não poupemos amor e sim transbordemos, distribuindo a todos e a tudo que pudermos. Sem dúvida, amar a nós mesmos é essencial para termos esse amor verdadeiro para os outros seres também. Por isso, cuidemos bem de nós e busquemos auto-conhecimento sempre, olhemos para dentro e não nos percamos nas mil solicitações práticas e diárias do mundo externo. "O essencial é invisível aos olhos", lembrem disso!

Bem... Se fui piegas ou não, tudo bem. Só sei que me deu vontade de escrever, dessa vez, mais do que os usuais "FELIZ ANO NOVO, muita paz, amor, saúde, alegria, realizações e dinheiro no bolso para todos!!!" Mas é claro que desejo tudo isso também!!!!

E, mais uma vez, FELIZ 2008 PARA TODOS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Beijos, beijos e mais beijos,
Regina Mª Milone de F. Travassos

Um comentário:

Ricardo Rayol disse...

Mais do que merecido.