A criança é municipal, estadual ou federal???


Após meses de luta da mãe, finalmente saiu a vaga para a menina que mudou para outro bairro! (http://educaforum.blogspot.com/2009/03/vaga-na-escola-so-para-aluno-fantasma.html). Pena que ela só nos contatou na semana passada. A mãe havia tentado na escola estadual mais próxima, responderam que não havia vaga e a encaminharam para uma outra ainda mais afastada que a anterior. E nem lhe ofereceram transporte escolar! A mãe foi para o Conselho Tutelar, o conselheiro “Mamão” garantiu no dia 13/03 que até o dia 18/03 a vaga estaria “garantida”. No dia estipulado a mãe voltou lá e ele respondeu que... nada feito! Para que serve mesmo o Conselho Tutelar? Para fazer... vitamina?rsrs.

Perto da casa da criança tem também um CEU. É para lá que todos os alunos querem ir! Até parece que lá o ensino é melhor... Mas o CEU é para poucos: os alunos são escolhidos a dedo e a prioridade é para os que vêm de outros estados. A mãe da menina respondeu: “Então, se eu mandar minha filha de volta para Minas e pedir transferência, consigo a vaga?” A funcionária respondeu: “Faça isso, se quiser!” Um exemplo de primor no funcionalismo público, rsrs. Além de ignorar a legislação, ainda distratam quem paga seu salário. Bônus neles!!!

Já que a aluna estudava numa escola do Estado, a vaga saiu na escola estadual mais próxima da residência da menina. Como se a criança tivesse que ser municipal, estadual ou federal... Coisas do Brasil!

Mas o assunto é muito mais sério do que parece: essa menina, que não teve uma única aula este ano e já perigava ser reprovada por faltas, era uma “aluna fantasma”, ou seja, estava matriculada numa escola sem frequentar as aulas, sendo que as escolas recebem verbas DE ACORDO COM O NÚMERO DE ALUNOS. Quanto mais alunos matriculados, mais verbas para as escolas. Quanto menos alunos frequentando as aulas, menos trabalho para os “abnegados” profissionais da educação. Tudo o que eles querem são números de matrículas e salas vazias... Desde a época “do onça” damos a sugestão de colocar no saguão de todas as escolas quadros com todas as classes e o nome dos alunos matriculados. Mas quem está interessado nisso?...

A questão da distribuição das vagas é das mais complicadas na educação. A matrícula unificada entre estado e município não funciona de forma alguma, provavelmente... de propósito. Não é feito levantamento algum sobre o número de alunos QUE NÃO MORAM PRÓXIMO DE CADA ESCOLA e assim o comércio do transporte escolar prospera a todo vapor! Teve um caso na Cidade Dutra em que o marido da diretora de uma escola possuía uma perua escolar e lucrava com o negócio... Quantos perueiros não são beneficiados por esse tráfico de vagas?

A falta de transparência nessa confusão entre vaga municipal, estadual e federal estimula também o favoritismo na hora de “escolher a dedo” os alunos desejados pelas escolas: de preferência bem vestidos e de famílias com recursos para poder cobrar altas taxas de APM, para não falar do comércio de uniformes, carteirinhas, cantina escolar e outras quinquilharias que alimentam a corrupção dentro do sistema. Haja vista a questão de Araraquara, onde milhões de verbas das APMs de quase todas as escolas foram desviados impunemente, durante dez anos, para os bolsos de diretores e supervisores organizados pela própria dirigente de ensino. E ainda nada de se fazer justiça!

Afinal, temos ou não razão quando falamos que a rede pública de ensino é um grande faroeste?...
Finalizando esta enxurrada de lamúrias, quero falar um pouco da criança que conheci: uma graça, uma menina encantadora com muita vontade de estudar! Falei com ela duas vezes ao telefone e fez questão de ir junto até à COGSP. Até agora me pergunto: independentemente do sistema educacional ser corrupto e excludente, o que faz pessoas adultas, muitas vezes com filhos na idade escolar, ser tão insensíveis a ponto de não atender uma crianças que nada busca, além de seu direito líquido e certo?

Comentários

cremilda disse…
QUANTA HONRA PARA UMA POBRE MARQUEZA !!!

Senhor Secretário de Educação da Cidade de São Paulo, Alexandre Schneider. O Senhor protesta contra o texto abaixo. Diz que não é um secretário virtual e está à disposição de todos que o procuram.
Fiquei honrada. Sei que este espaço é visitado por pessoas muito importantes e sérias. Entre elas está o Doutor Flavio Frasseto, defensor público, que me deu uma alegria muito grande ao declarar na Rádio Terra (AM 1330) que frequenta este blog e que gosta do meu trabalho. Vindo de uma pessoa como o Dr.Flavio Frasseto, o elogio me soou dobrado.
Agora, saber que é visto pelo Sr. Alexandre Schneider, é bom também.
Já que este espaço ele lê, vou informá-lo:
O senhor até pode ter boa vontade de atender aos pais, mas tem um exército de funcionários seus que não deixam. Formam uma espécie de "pelotão de choque" com escudos verbais... e quem precisa, mesmo, não consegue chegar ao senhor.
A Giulia Pierro, do Educaforum, tentou junto com um grupo de mães e não conseguiu...
Já que o que a gente escreve aqui o senhor lê, vou pedir que marque uma entrevista com as mães da Emef Imperatriz Dona Amélia.

Aproveito também para informar que a Coordenadoria de Ensino do Butantã não atende a pedidos e que a "demanda" dalí comporta-se como dona das vagas...
Agora, depois da sua portaria - que classifico de porcaria, restringindo o número de alunos na sala de aula, a Coordenadoria de Educação do Butantã informa que não pode fazer nada por causa da sua portaria... O senhor lhes forneceu um excelente álibi.
Então é assim: quando a Coordenadoria do Butantã pode, ela nega as vagas pedidas... e quando a gente insiste, elas jogam nas suas costas.
Até acho que o senhor merece a Coordenadoria do Butantã! Merece cada vez que elas negam vaga e lhe responsabilizam. Mas agora tem este espaço, este blog que está as suas ordens. Se o senhor não sabia, agora sabe.

Já que o senhor "dorme com o inimigo"... ou melhor: dorme o senhor e seus inimigos cada um em seu berço explêndido, à luz de um céu profundo, aproveito para deixar este blog a sua disposição.

Esperamos uma resposta para o caso do aluno do Jaqueline e uma audiência com as mães da Emef Imperatriz Dona Amélia.
Obrigada! Espero sua resposta, que divulgarei assim que chegar.
O senhor sabe que uma parceria conosco, com os pais, seria o caminho ideal para uma escola de qualidade.
Os caboclos já diziam: "o que engorda o boi é o olho do dono"...
Se os pais pagam a conta e usam o serviço, somos os donos.
Sem falsa modéstia, estamos bem intencionados e só com a ajuda dos pais é que o senhor tira a escola deste mar de lama.
Tirar a escola da mão da corporação não é fácil... a gente sabe... mas é o único caminho...
Do jeito que está, parece que a Educação de S. Paulo segue outro ditado popular:
O CABRITO ESTÁ CUIDANDO DA HORTA.
cremilda disse…
então Giulia
Baseada no email que o Secretário me mandou eu fiz esse texto que está lá no meu blog
já que ele está a minha disposição e de quem o procurar....
vamos nessa ????
Anônimo disse…
CREMILDA MUITO OBRIGADA PELO APOIO.
PRECISAMOS !
Mãe que precisa falar com ele, mas é BARRADA literalmente disse…
Essa mesma frase foi dita por ele na TV há muitos meses atrás.
Giulia disse…
Vamos nessa!!!
Anônimo disse…
Fale para sse Paulo não ficar do lado do Serra pensando que os professores vão votar no Serra , que estão muito enganados.
Os professores querem ver o Serra morto e o Kassab tb.
cremilda disse…
Giulia
eu já removí a mensagem do Secretário para a lixeira
Para reenviar tenho que mandar a mensagem de volta para a caixa de entrada e não sei como fazer.
Vou pedir ao Mauro, mas por enquanto mando
a cópia.
Secretário Virtual
LixeiraX

Responder a todos
Encaminhar
Responder com bate-papo
Filtrar as mensagens assim
Imprimir
Adicionar à lista de contatos
Excluir esta mensagem
Denunciar phishing
Informar que não é phishing
Mostrar original
Exibir em fonte com largura fixa
Exibir em fonte com largura variável
Texto de mensagem truncado?
Por que isso é ou não é spam?
Alexandre Schneider para mim
mostrar detalhes 27 mar (2 dias atrás) Responder


Prezada Cremilda:

Diferentemente do que está em seu site, não sou um "secretário virtual" e estou à sua disposição e de todos aqueles que desejam melhorar a educação em SP.

Um abraço e parabéns pelo seu trabalho.

Alexandre Schneider
Responder Encaminhar


Sua mensagem foi enviada.


Cremilda Teixeira para Educa
mostrar detalhes 14:06 (-1 minutos atrás) Responder


- Mostrar
Anônimo disse…
Senhor Secretário.
Acho que agora é a hora de mostrar realmente quem o Senhor é.
Marcia disse…
Senhor Secretario!!!!!!!
Peço que o senhor de a devida atenção para nossas crianças e adolescentes, pois em muitas escolas os diretores são autoritarios com alunos e pais, distratando, marginalizando, descriminando nossos filhos. Por favor fique atento a isso, pois sofri muito com esse problema e ainda estou sofrendo, peço que reveja esse critério que eles tem de transferir compulsóriamente as crianças de escola, o lanche que não é distribuido para as crianças que estão no ensino médio, eles ficam sem se alimentar por mais de cinco horas,nem todos tem dinheiro para comer em cantina e o uso obrigatório de uniforme que continua sendo imposto em algumas escolas, mesmo com a lei deizendo o contrário. O Conselho de escola também não é feito de maneira transparente eles informam somente as pessoas que de alguma maneira lhe são úteis, fazendo com que os pais que realmente tem interesse de participar para judar e ficar por dentro do que realmente está acontecendo dentro da escola não participe. Hoje em dia as escolas restrigem as informações aos pais, só os convocam ou convidam para ir a escola quando tem interesses próprios, convocam até para assinarem baixo assinado.
Observe bem para que isso não continue acontecendo
Anônimo disse…
Senhor Secretario , pelo o amor de Deus, peça uma Sindicancia na EE Vargem Grande II e incluia os ultimos cinco.Diretoria Sul 3 .
Peço que tenha piedade e respeite
o bolso do contribuinte.
È so pedir uma sindicancia séria ,mas não pode ser feita pela Sul 3.
Anônimo disse…
Gente !
Temos secretário municípal de educação e secretário estadual de educação.
O senhor Alexandre Schneider é secretário de educação do municipio de são paulo, então o senhor Alexandre não pode fazer nada pela EE Vargem Grande II.
Peça ao secretário estadual de educação.
Giulia disse…
Pois é, anônimo, você tem razão, rsrs. Os secretários são municipal e estadual, embora as crianças sejam apenas cidadãs e mereçam ser atendidas como tal! Quanto ao descaso das autoridades, esse é geral, dada a "dança das cadeiras" nos órgãos educacionais.
Anônimo disse…
Aqui vai o meu pedido para Secretario da Educação do Estado ,faça uma investigação na EE. Vargem Grande II , e verifique os desvio de verbas a obras clandestinas que o diretor fez na escola ,aonde foi parar o dinheiro que veio para cobertura da quadra, o desvio do dinheiro da merenda escola foi para cobrir a quadra. so tem uma quadra.
Giulia disse…
Anônimo, eles não investigam direito nem aquilo que a gente leva para lá com nome e sobrenome dos denunciantes... Que tal você nos acompanhar lá?...
Fabiana disse…
Giulia, muita força na sua luta diária.
Estou trabalhando longe quase não entro na internet mais minha mãe esta sempre acompanhando o blog e me passa.
Beijos, não esquecemos tudo que fez por nós.
A Fran esta no último ano a classe dela mudou para o período da noite, mas ela continuou de manhã.
Fabiana- Santos-S.P.
Fabiana disse…
Giulia, muita força na sua luta diária.
Estou trabalhando longe quase não entro na internet mais minha mãe esta sempre acompanhando o blog e me passa.
Beijos, não esquecemos tudo que fez por nós.
A Fran esta no último ano a classe dela mudou para o período da noite, mas ela continuou de manhã.
Fabiana- Santos.S.P.
vanderleia disse…
olá giulia muito obrigada pela sua grande ajuda. Graças à Deus existe pessoas boas como você. estou muito feliz por minha filha ter começado as aulas infelizmente no dia 27/03/09.. depois de muito transtorno..Olha só o nosso brasil dessa forma jamais ira para frente pois até na educação nossas crianças perdem o direito que tem empurram pra lá e pra como se fosse banbolê. que país é esse? graças a Deus te encontrei. se não fosse por você a minha filha não estaria estudando! estou muito agradecida. beijos. vanderléia
vandekadias disse…
muito obrigada!!! Giulia tentei falar com vc e não consegui,mas gostaria de agradecê-la mais uma vez pela ajuda. Sou muito grata!!! principalmente que foi devido sua luta é que realmente consegui a vaga na escola para minha filha.

beijos... Vanderléia.

Postagens mais visitadas deste blog

A expulsão é legal?

Escola pública ou particular. Qual a sua opção?...

Respeito ao aluno, 3ª Parte. A expulsão da escola