Parabéns, pais vitoriosos!


As maiores vitórias deste blog (tivemos, sim, muitas vitórias!) são anônimas e acontecem na surdina. São anônimas porque preferimos não publicar os nomes dos pais corajosos que enfrentam o autoritarismo e a arrogância de um sistema perverso e excludente, gerido por autoridades que têm seus próprios filhos estudando na rede particular e cujo interesse é manter submissa a população de baixa renda.

Na semana passada, recebemos a mensagem de um pai informando que seu filho adolescente havia sido expulso pelo Conselho de Escola, devido a baixo rendimento escolar e "mau comportamento". Ele, sendo um pai presente e esclarecido, fez questão de levar o filho a um psicólogo, que atestou tratar-se de um adolescente normal, não agressivo, mas que revidava verbalmente quando ofendido. Esse pai fez questão também de participar de algumas aulas junto com o filho, durante as quais percebeu a forma inadequada como a escola tratava seus alunos, chegando ao ponto de um coordenador "pedagógico" atirar o material do aluno ao chão. Esse tipo de comportamento de certos "educadores" eu mesma presenciei, quando a coordenadora "pedagógica" de uma filha minha chegou a rasgar o caderno dela, na minha própria presença...

Perguntamos o nome da escola, para que pudéssemos levar a denúncia para a Secretaria da Educação, e hoje tivemos a grata surpresa de receber novo e-mail desse pai: ele se juntou a outros pais de alunos também expulsos, uma comissão foi até à diretoria de ensino e conseguiram reverter a decisão do conselho de escola, aliás absolutamente ilegal, como CANSAMOS de informar neste blog. É exatamente isso que orientamos para todos os pais: unam-se e reivindiquem o direito de seus filhos ao "acesso e permanência na escola", conforme Art. 53 do ECA, que também garante aos alunos "o direito de serem respeitados por seus educadores". Na dúvida, a legislação fundamental da educação está publicada na página principal deste blog.

Parabéns a esses pais que souberam defender os direitos de seus filhos! Não estamos publicando o nome da escola, mas estamos de olho nela e se houver mais algum problema, iremos diretamente à Secretaria da Educação para exigir a reintegração dos alunos e a retratação da direção da escola.

Infelizmente, o sonho dos maus diretores e professores (trata-se dos MAUS profissionais, não estamos generalizando) é uma escola vazia, para onde eles precisem ir apenas para masturbar alguns papéis e mostrar seu "poder" xingando e expulsando alunos. A aula vaga, fenômeno em que o Brasil é campeão mundial, já corrói 30% do ano letivo, mas os maus profissionais querem mais: expulsar todos os alunos que exigem aulas diárias e algo mais que uma lousa borrada e reclamações de "maus salários".

Parabéns, pais, continuem assim!!! Contem sempre com o nosso apoio em toda situação que ameace o direito líquido e certo de seus filhos permanecerem na escola e terem um ensino de qualidade.

Comentários

sonia fernandes disse…
Giulia esperemos contar mais uma com vc olha só até aonde pode chegar o tamanho da prepotencia, autoritarismo e arrogancia, em niveis baixissimos.
DEPUTADO ROBERTO MASSAFERA RESPONDE A INTERNAUTAS E TENTA INTIMIDAR BLOG EDUCAÇÃO POLÍTICA
28 Setembro, 2009

O blog Educação Política está totalmente aberto a participação e a defesa de informações de qualquer pessoa que se sinta prejudicada por comentário de leitores. Basta escrever um comentário para o Blog e solicitar correção da informação.

O deputado Massafera se sentiu ofendido por comentários de leitores e já retiramos as partes criticadas pelo deputado.

O curioso, no entanto, é o assessor do deputado não ter enviado a comunicação diretamente para o Blog, mas para a faculdade de Jornalismo em que trabalho. Recebi o e-mail da direção da faculdade. Veja só caro leitor, o nível do deputado Robeto Massafera, do PSDB.

Mandar e-mail para a faculdade em que trabalho e não para o blog é uma tentativa de intimidação, é um trabalho nada digno do assesor de imprensa Douglas Braz – MTb 33.091. Precisamos melhorar o nível das escolas de jornalismo. Que dirá dos nossos deputados…

Além disso, percebemos como é o método de atuação política do deputado Massafera. A situação em Araraquara parece ser muito grave mesmo.

Peço ao deputado e ao assessor que sejam mais dignos e mandem suas solicitações diretamente para o blog Educação Política. Atenderemos toda e qualquer solicitação que prejudique a imagem de qualquer pessoa que se sinta ofendida pelos comentários de leitores.
sonia fernandes disse…
Veja abaixo o texto enviado (não para o Blog, mas para a faculdade de jornalismo onde trablho) do deputado Roberto Massafera. Estamos publicando integralmente como direito de resposta.

Caro Dr. Glauco Cortez,

Solicito a sua atenção em relação a trechos de artigos e comentários postados no blog “Educação Política” que acreditamos ser de sua responsabilidade. Tais trechos dirigem acusações inverídicas ao deputado estadual Roberto Massafera e, de forma criminosa, o envolve em suposto “esquema de corrupção”.
As referidas citações são assinadas pela leitora Sônia Maria Fernandes, nome cuja autenticidade não podemos verificar. Os posts encontram-se em duas páginas a seguir:
1. http://glaucocortez.wordpress.com/2009/08/17/o-teatro-esta-presente-em-assentamento-do-movimento-dos-trabalhadores-sem-terra-mst-e-serve-de-instrumento-pedagogico/
2. http://glaucocortez.wordpress.com/2009/08/20/internauta-araraquara-educacao-poltica-tem-18-diretores-de-escola-processados-por-empenhar-notas-ficais-frias-e-ligados-ao-psdb/
Tais comentários, além de conter citações inverídicas ao deputado, não coadunam com a proposta do blog. Segundo suas palavras veiculadas na página Sobre o Site: “…todos os comentários precisam ser aprovados antes da publicação. Peço aos leitores e internautas que não exagerem nos adjetivos, mantendo-se dentro de um padrão civilizado de diálogo. Este site não publica comentários ofensivos à dignidade humana, preconceituosos, racistas, de baixo calão e tantas outras características infames, mas tão presentes na espécie humana.”
Dr. Glauco Cortez, sua responsabilidade vai além de ter aprovado a publicação dos comentários de Sônia Maria Fernandes em seu blog. Não deu ao deputado Roberto Massafera o direito a contraparte, de manifestar-se sobre o assunto. Preferiu, simplesmente, ungir as acusações da leitora Sônia Maria da credibilidade de que goza o seu nome como professor pesquisador.
Tenho certeza que qualquer julgamento razoável concluiria pela falta de “padrão civilizado de diálogo”, ou pelo caráter “ofensivo à dignidade humana” usado pela leitora Sônia Maria Fernandes em frases como: “AS EMPRESAS LACON E MASSAFERA DO DEPUTADO ROBERTO MASSAFERA QUE REINAM POR LÁ E PARTICIPAM DO ESQUEMA DE CORRUPÇÃO DA SANDRA ROSSATO VULGO ‘RATA BRANCA’…”
Dr. Glauco Cortez, para esclarecer, essas empresas pertencem aos engenheiros Luiz Antônio Massafera e Carlos Eduardo Massafera e outros, as quais o deputado não participa de seu quadro societário desde 2006. As empresas, inclusive, nunca prestaram serviços à Delegacia Regional de Ensino de Araraquara.
Temos informações da existência de procedimentos investigatórios administrativos no âmbito da Diretoria Regional de Araraquara a partir de 2001. Para a instalação dessas sindicâncias basta a apresentação de uma denúncia anônima, sem provas materiais ou testemunhais.
As sindicâncias que prosperaram transformaram-se em processos administrativos que estão em andamento junto a Comissão Processante da Secretaria de Estado da Educação. Todos os envolvidos e culpados deverão ser punidos na forma da lei. A rotina administrativa, entretanto, é lenta e este assunto arrasta-se há quase uma década.
O deputado Roberto Massafera nunca figurou em tais procedimentos sob qualquer condição, de vítima, réu ou testemunha. Também não temos qualquer interferência ou informações que contribuam com os procedimentos em andamento ou que envolvam a ex-diretora, a senhora Sandra Rossato. Portanto, solicitamos ao senhor que retire imediatamente de seu blog qualquer citação injuriosa, caluniosa ou defamatória contra o deputado sob pena de responsabilização civil e criminal, por perdas e danos morais que julgamos irreparáveis. Ademais, nos colocamos a sua inteira disposição para maiores esclarecimentos.

Atenciosamente,
Douglas Braz – MTb 33.091
(16) 3336-1644 / 9175-0087
Assessoria de Imprensa Deputado Estadual Roberto Massafera

Postagens mais visitadas deste blog

A expulsão é legal?

Escola pública ou particular. Qual a sua opção?...

Respeito ao aluno, 3ª Parte. A expulsão da escola