O país que detesta seus jovens


Mais uma vez, a amiga Glória Reis acerta no ponto: o Brasil detesta seus jovens das camadas pobres, ou seja, os alunos da rede pública de ensino. Cadeia e apartheid neles! Para esses jovens, a punição é sempre rápida, enquanto para o adulto existem mecanismos de defesa. Quanto à implantação de medidas preventivas ou pedagógicas dentro das escolas, pode esquecer! Afinal, em que país você vive?

O fato ocorreu em Minas Gerais, leia clicando aqui.

Ah: você já ouviu de alguma "solução" desse tipo ocorrendo em escolas particulares?...

Comentários

blogdomaurosilva disse…
Giulia,
Mandei no seu e-mail dicas para compartilhamento no twittrer e no facebook
Giulia disse…
Brigadão, Mauro! Vamos ver se esta pobre interANTA consegue digerir, rsrs...