Mais alunos expulsos da escola particular. Afinal, ela é ou não é um negó$$$io?...




Recebemos hoje mais duas mensagens estarrecedoras, de mães de alunos de escolas particulares. Elas, juntamente com várias outras já publicadas, mostram que aparentemente muitas escolas particulares não passam de um negócio. Então, qualquer aluno que atrapalhe esse negócio corre o risco de ser expulso... As mensagens foram respondidas através de e-mail e as respostas são tão óbvias que nem vamos comentá-las aqui. O ideal é os pais tirarem imediatamente seus filhos de lá e procurarem escolas que respeitem seus alunos enquanto cidadãos.

1ª mensagem
Tenho um menino de 6 anos que cursa a 1ª serie numa escola particular. Pago período integral, porque trabalho e não tenho com quem deixá-lo.   Ele está em tratamento para depressão, é uma criança inteligente e gosta de liderar a turma, o que gera alguns conflitos. Vejam abaixo que ele foi suspenso por 7 dias, sendo proibido de entrar na escola neste período. Quando questionei a escola sobre as matérias perdidas, me disseram que eu teria que ensinar meu filho em casa durante o período de suspensão.  Comentaram que ele pode retornar à escola somente com laudos médicos e, mesmo assim, se o comportamento retornar ele será transferido para outra instituição. Ouvi coisas da coordenadora do tipo: “A escola é um negócio” ou “não temos pessoas para ficar só monitorando o seu filho”.

A suspensão me foi comunicada por  e-mail, e meu filho foi obrigado a assinar um livro negro por 3 x.  Estou há 2 semanas tentando conversar com as responsáveis pela escola, e consegui somente ontem uma reunião. 

Gostaria de saber se é legal a suspensão de uma criança de apenas 6 anos, sendo proibida sua entrada na escola por esse período. Uma escola pode obrigar uma criança de 6 anos a assinar um livro negro? Eu não deveria ter assinado esta suspensão ou ela simplesmente pode ser comunicada via e-mail, como ocorreu? 

Quando matriculei meu filho nessa escola não me informaram sobre esses procedimentos, e quando pedi que me enviassem cópia do regimento escolar me negaram. Informaram que eu poderia ter acesso diretamente na escola sob supervisão da coordenadora. 

2ª mensagem
Tive minha filha de 16 anos, estudando no 3º ano do ensino médio em uma escola de referencia da minha cidade, expulsa por ter chamado o diretor de meu amor de forma irônica, sendo o seu terceiro ano na mesma e nunca tendo nenhuma advertência ou suspensão, ou seja nada que a desabone, pois eu como mãe nunca fui convidada a ir à escola, nem mesmo quando ele a expulsou. Eu estava viajando e quando cheguei fui falar com o mesmo, que me disse que naquele momento não podia ter tomado outra atitude a não ser expulsá-la por ter chamado-o de meu amor de forma irônica. Pode isso? Se é ilegal por favor me mostrem a lei para que eu possa tomar minhas providencias perante este senhor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A expulsão é legal?

Escola pública ou particular. Qual a sua opção?...

Respeito ao aluno, 3ª Parte. A expulsão da escola