Mensagem ao Secretário Paulo Renato


Acabamos de postar no blog do Secretário Paulo Renato a mensagem abaixo:

Prezado professor Paulo Renato,

Comunicamos que na próxima semana estaremos na COGSP e na CEI, para levar denúncias graves que esperamos sejam apuradas e sanadas. Não temos muita esperança, pois acreditamos que não esteja inteirado da corrupção e do autoritarismo que dominam a rede de ensino. Tentamos várias vezes conseguir uma reunião em seu gabinete, mas, de acordo com seus assessores, "dificuldades da sua agenda" o impediram. Mesmo assim, insistimos em informá-lo, na esperança de que a ordem para não nos receber não tenha sido sua.

Segue breve relato da pauta das reuniões que teremos na COGSP e na CEI:

A EE Aparecida Donizete de Paula, em Diadema, é mais uma entre centenas de escolas onde os alunos são OBRIGADOS a adquirir o uniforme da escola e não entram sem ele, sendo que a camiseta custa R$ 17,00. Lembramos que a Lei 3913 proíbe a exigência de uniforme nas escolas, o que porém não é mais grave do que O UNIFORME SER VENDIDO DENTRO DAS PRÓPRIAS ESCOLAS, uma realidade em incontáveis unidades da sua rede. Este é um dos maiores ralos de corrupção nas escolas públicas, verdadeiros mercados persas onde se faz todo tipo de negociatas, que resultam em dinheiro sujo e desviado para os bolsos de diretores e funcionários corruptos. Como ficamos? Vamos então sugerir ao governador José Serra jogar no lixo a Nota Fiscal Paulista? Ou ela só vale para as lojas do Brás?!

Na EE Armando Gabam, em Osasco, como na maioria das escolas da sua rede, os alunos são suspensos e expulsos a rodo. Isso é orientação da própria Secretaria, de acordo com sua nova cartilha, que pune apenas os alunos e, mais uma vez, permite a impunidade de diretores e professores que fazem da escola o quintal de sua casa? Estamos muito preocupados com isso, pois infelizmente a mídia já "demonizou" o aluno da rede pública e "santificou" o profissional da educação, por mais incompetente, corrupto e perverso que seja.

Na EE Marilsa Garbossa Francisco, em São Paulo, uma menina foi submetida a constrangimento tal que seus pais tiveram que transferi-la para outra escola. Mesmo assim, eles irão contar sua história para que o abuso fique registrado, tratando-se de situação extremamente comum, mas raramente denunciada, devido às perseguições e represálias que fatalmente se seguem às denúncias de abuso por parte de diretores, professores e demais profissionais da educação.

Além desses casos pontuais - mas que confirmam a regra - vamos discutir a gravíssima questão do Esquema de desvio de verbas do ensino na região de Araraquara, que cansamos de lhe informar por e-mail e que está bem explicado em nosso blog, veja os links Como funcionava o esquema e Cronograma do esquema de Araraquara, que durante uma década envolveu todas as escolas da DE, através de cheques em branco assinados por membros de APMs ingênuos ou tão corruptos quanto a dirigente de ensino e os diretores de escola, que se valeram de empresas fantasmas e notas fiscais frias para manter o esquema funcionando durante tanto tempo.

Professor Paulo Renato, essa é a sua rede de ensino, que o Sr. parece desconhecer, pois está cercado de profissionais corruptos como os dirigentes e supervisores de ensino de Araraquara, que durante dez anos assistiram e participaram do esquema acima, esquema que está em stand by, aguardando as denúncias caírem no esquecimento para recomeçar com força total.

Professor Paulo Renato, enquanto não tivermos provas de que o Sr. está acobertando toda essa lama, como têm feito seus antecessores, vamos continuar usando este canal de comunicação. A equação é simples: o autoritarismo, os abusos e a corrupçao só proliferam na rede de ensino PORQUE A IMPUNIDADE CONTINUA. Como o Sr., também temos cabelos brancos e estamos preocupados com o país que estamos deixando de herança aos nossos filhos e netos. Se for essa também sua preocupação, agradecemos a atenção.

Atenciosamente

EducaFórum

PAIS, ALUNOS, EDUCADORES E CIDADÃOS QUE LUTAM PELA ESCOLA PÚBLICA E PELA CIDADANIA

Giulia Pierro / Vera Vaz

Comentários

Mauro A. Silva disse…
Giulia,

Ainda faltou listar a EE Brasílio Machado, que aplica suspensão coletiva.
Giulia disse…
Mauro, falei sobre a Brasílio Machado em outro comentário que postei no blog do Paulo Renato. Infelizmente, não temos ninguém para ir com a gente do Brasílio...
cremilda disse…
e amanhã estarei panfletando em frente da SEE as 14 horas.
sei que é o meio eficiente do documento Cartilha dos Corvos chegar nele....
claro que eu vou protocolar uma cópia para ele, mas sei que é dificil chegar, então panfletando, chega....

Postagens mais visitadas deste blog

A expulsão é legal?

Escola pública ou particular. Qual a sua opção?...

Respeito ao aluno, 3ª Parte. A expulsão da escola