Que tipo de monstro? - A Série

Iniciamos uma nova série com esse título bombástico, a fim de provocar uma sociedade que só se preocupa em cuidar de "seus" menores, aqueles que são protegidos pelo ECA, um "adolescente" que acabou de completar 20 anos e devido à sua minoridade não consegue se impor para toda a sociedade (coloquemos a coisa nestes termos, dói menos para quem tem senso de justiça, rs).

Que tipo de monstro toma uma atitude como esta para "orientar" uma aluna a não usar maquiagem pesada?

Assista clicando aqui

Que tipo de monstro larga uma criança em uma sala escura, onde ela pode até ser estuprada?



Que tipo de monstro espanca um adolescente de 13 anos para lhe "ensinar" a respeitar as diferenças?



Que tipo de monstro trata desta forma crianças que são confiadas aos seus cuidados?




Que tipo de monstro exibe a fita Tropa de Elite para uma classe de 6ª Série?

    Comentários

    Glória disse…
    Giulia, e um jornalista monstro do jornal Estado de Minas (o texto está no meu blog) que neste recente episódio de um professor que deu um soco no aluno de 13 anos (em BH)disse na sua coluna que esmurrar foi pouco, que o professor deveria ter chutado também. Escrevi ontem um protesto para o jornal, vamos ver se vão publicar. Abraços...( Ah, o blog ficou muito bonito com as alterações)
    cremilda disse…
    E hoje está lá no G1, a cara dura da Rede Globo de televisão divulgando a explicação da escola no caso da aluna que perdeu parcialmente a visão e teve o rosto esfolado.
    Ouvi a noticia numa estaçao de rádio, dessas que a gente pega sem querer e depois só fica o chiado.
    Ouvi, fiquei indignada, mas no mesmo dia o caso é divulgado em São Paulo
    Na rádio a aluna foi segura pelas costas, uma professora ficou segurando seus braços para trás e outra jogava o alcóol e outra esfregava seu rosto furiosamente.
    Hoje está lá a Globo dando como verdadeira a versão da professora e da diretora.
    A professora, tão boazinha,oh....ao ver que a aluna estava sendo ridicularizada pela classe, para salva-la a levou para a diretoria.
    A diretora dá um creme para a aluna que passa ela mesma em sí.
    Essa aluna deve ser doente, uma espécie de masoguista que esfrega até ferir o rosto e ficar parcialmente cega.
    Só a Globo mesmo para ser cara de pau assim...
    Arthur disse…
    Por que vocês não escrevem deplorando a atitude do menino que zombou do deficiente?
    Giulia disse…
    Porque o menino ainda não tem maturidade para entender, ou até porque na casa dele zombam de deficientes. Depois dessa surra, é que ele vai mesmo odiar os deficientes...
    Arthur disse…
    Se na casa dele zombam de deficientes e ele copia o que vê em sua casa, então a família tem responsabilidade fundamental na formação do caráter do jovem. A escola sozinha não pode ser responsabilizada.
    Giulia disse…
    Mas quem falou em responsabilizar a escola pelo comentário do aluno? A questão aqui é que ele foi SURRADO pela professora! Ou você acha por acaso que o comentário dele justificou esse ato?...
    Cada vez mais fico desanimada com argumentos como o seu, professor Arthur!
    Arthur disse…
    Desculpe, é que estou acostumado com a Cremilda, que responsabiliza a escola por tudo e acabei me confundindo, já que vocês estão sempre juntas. Me desculpe.

    Postagens mais visitadas deste blog

    A expulsão é legal?

    Escola pública ou particular. Qual a sua opção?...

    Respeito ao aluno, 3ª Parte. A expulsão da escola