Nova reunião na Secretaria da Educação, quando?


No dia 29 de junho estivemos na COGSP com uma pauta de 29 itens que foram discutidos com o Prof. José Benedito e sua assessoria. Por ser uma pauta muito extensa, tivemos a promessa de que seria agendada nova reunião dentro de 20 dias para obtermos todas as respostas. Fazem hoje 2 meses e não conseguimos agendar a nova reunião. Será que ela só será marcada após as eleições? (brincadeira...)

Releia clicando aqui o documento entregue à COGSP e dirigido ao Secretário Paulo Renato.

Comentários

cremilda disse…
Recebí a resposta do "Xerife" hoje
A Comissão de Educação da OAB ainda não está formada, logo que estiver nos avisarão....
Vamos esperar.
Vai ver que o segmento professores está emperrando rs.rs
Antonio disse…
Olá Giulia, estamos muito bem não desistimos nunca da Justiça que PRECISA FUNDAMENTAMENTE de pessoas como vc.
A nossa luta continua, agora estamos em outras instâncias, com bases sólidas, sem medo de enfrentar a verdade e as perseguições, novas provas sobre o grossa lamaçal e sujeira e da impunidade da diretoria de ensino de Araraquara como vc pode ver o Wally da diretoria de Ensino de Araraquara fo punido exemplarmente. e os demais diretores de escola tbém serão? Esta e a pergunta que não quer calar. E a ex dirigente de ensino de Araraquara continuará impune?
Saiu no diário oficial do Estado de Sp -hoje.
A pena de DEMISSÃO A BEM DO SERVIÇO PÚBLICO AO SENHOR VALMIR RODRIGUES, (EE João Silva) ESPERAMOS O MESMO procedimento AOS DIRETORES DAS NOTAS FISCAIS FRIAS E DO INQUERITO POLICIAL “ O Podrão”.
________________________
Aplicando, em face dos elementos que instruem o processo,
em especial o Relatório nº 037/10, da 6ª Unidade da
Coordenadoria de Procedimentos Disciplinares (fls.633/696) e
o Parecer da Consultoria Jurídica nº 1758/10 (fls. 700/709), com
fundamento no artigo 251, inciso V c.c.os artigos 252 e 257,
inciso IV, todos da Lei 10.261/68, a pena de demissão a bem do
serviço público, ao servidor VALMIR RODRIGUES, RG 18.291.452,
Diretor de Escola, classificado na EE “Professor João Silva”,
localizada no Município de São Paulo, circunscrita à Diretoria
de Ensino Região Sul 2, subordinada à Coordenadoria de Ensino
da Região Metropolitana da Grande São Paulo (COGSP), por
restarem comprovados os ilícitos administrativos imputados ao
interessado na Portaria de Enquadramento Inicial nº 054/05 – 2ª
U.P. (fls. 288/294). (Processo 1981/000/04 (02 Volumes)).
(Intime-se o Dr. Luso Arnaldo Pedreira Simões, OAB/SP
12.365, bem como o Dr. Varnei Castro Simões, OAB/SP 117.411)
terça-feira, 31 de agosto de 2010 Diário Ofi cial Poder Executivo - Seção II São Paulo, 120 (165) – 29
http://diariooficial.imprensaoficial.com.br/nav_v4/index.asp?c=5&e=20100831&p=1

Olá Giulia, como vc pode ver o o Wally da diretoria de Ensino de Araraquara foi punido exemplarmente. E os demais diretores de escola de escola de Araraquara os 22 diretores de escola processados tbém serão? Esta e a pergunta que não quer calar. E a ex dirigente de ensino de Araraquara continuará impune? E os supervisores de ensino?
Saiu no diário oficial do Estado de Sp - hoje.
A pena de DEMISSÃO A BEM DO SERVIÇO PÚBLICO AO SENHOR VALMIR RODRIGUES, (EE João Silva) ESPERAMOS O MESMO procedimento AOS DIRETORES DAS NOTAS FISCAIS FRIAS E DO INQUERITO POLICIAL “ O Podrão”.
________________________

Aplicando, em face dos elementos que instruem o processo,
em especial o Relatório nº 037/10, da 6ª Unidade da
Coordenadoria de Procedimentos Disciplinares (fls.633/696) e
o Parecer da Consultoria Jurídica nº 1758/10 (fls. 700/709), com
fundamento no artigo 251, inciso V c.c.os artigos 252 e 257,
inciso IV, todos da Lei 10.261/68, a pena de demissão a bem do
serviço público, ao servidor VALMIR RODRIGUES, RG 18.291.452,
Diretor de Escola, classificado na EE “Professor João Silva”,
localizada no Município de São Paulo, circunscrita à Diretoria
de Ensino Região Sul 2, subordinada à Coordenadoria de Ensino
da Região Metropolitana da Grande São Paulo (COGSP), por
restarem comprovados os ilícitos administrativos imputados ao
interessado na Portaria de Enquadramento Inicial nº 054/05 – 2
U.P. (fls. 288/294). (Processo 1981/000/04 (02 Volumes)).
(Intime-se o Dr. Luso Arnaldo Pedreira Simões, OAB/SP
12.365, bem como o Dr. Varnei Castro Simões, OAB/SP 117.411)

terça-feira, 31 de agosto de 2010 Diário Oficial Poder Executivo - Seção II São Paulo, 120 (165) – 29
http://diariooficial.imprensaoficial.com.br/nav_v4/index.asp?c=5&e=20100831&p=1
Solicito a vc o retorno da ponta do iceberg de Araraquara, chega de impunidade.
Antonio Monteiro - 16 97043119
ARARAQUARA.
Antonio disse…
Esperamos que seja reaberto o processo da ex dirigente de ensino de Araraquara.
do que a CEI - coordenadoria de procedimentos disciplinares que ela entregue a todos incluisive dirigentes e supervisores de outras diretorias de ensino que usavam as mesmas práticas?
Antonio.
Carmém disse…
Giulia porque será que o Deputado Roberto Massafera está caindo nas pesquisas?
Será sua postura, seus supostos apoios?
Mas a impressa está ai para divulgar, já sabiamos que a população de Araraquara e Região não via com bom olhos ele ter como assessor parlamentar um suposto diretor de escola que responde a um suposto inquérito policial e ainda este diretor ter supostas notas fiscais frias empenhadas em suas prestações de contas. E verbas destinadas a Educação Pública jamais poderiam ter sido desviadas impunimente por mais de 10 anos, sem ninguém fazer nada.
Pesquisa mantém aprovação a Marcelo e reforça favoritismo de Edinho e Dimas

29/08/2010


Carmém
Carmém disse…
Roberto Massafera, caiu de 37% para 31%. Na esfera federal, Dimas Ramalho (PPS) também reforça a preferência da cidade, ajudado pela saída do páreo de Coca Ferraz, subindo de 41% para 45%, enquanto a ex-vereadora Edna Martins (PV) passou de 24% a 27%, um avanço ainda insuficiente para ameaçar a liderança de Dimas. Entre os candidatos ao Senado está o cenário mais equilibrado. Ainda líder nas preferências, a petista Marta Suplicy teve forte queda em relação à pesquisa de dezembro, recuando de 42% para 33,4%. Romeu Tuma (PTB) também caiu fortemente, de 30% para 17,2%, assim como Orestes Quércia (PMDB), que caiu de 33% para 27,2%, consequência da forte subida de Netinho de Paula (PCdoB), que, com a campanha eleitoral, foi de 10% para 23,6%. É bom lembrar que serão eleitos dois senadores neste ano. Para os cargos executivos, Araraquara mostra que ainda é um forte reduto tucano. Na corrida ao governo de São Paulo, Geraldo Alckmin, com quase 50% das preferências, tem liderança tranqüila, refletindo o panorama do resto do Estado. Ainda assim, as primeiras semanas de campanha eleitoral e a associação de seu nome ao Governo Lula permitiram a Aloyzio Mercadante (PT) avanço significativo em relação à pesquisa de dezembro, saltando de 7% para 22%. Por fim, na corrida presidencial, o grande salto nacional de Dilma Rousseff (PT) por enquanto não foi suficiente em nosso município para tirar a liderança de José Serra (PSDB), ainda que ocorra um empate técnico neste momento. O tucano caiu quase dez pontos em relação à última pesquisa, passando de 49,7% para 40,1%, enquanto a petista avançou de 15% para 37,1%.



Fonte: Araraquara.com
http://www.araraquara.com/opiniao/editorial/2010/08/29/pesquisa-mantem-aprovacao-a-marcelo-e-reforca-favoritismo-de-edinho-e-dimas.html

Carmém Imaculada dos Reis
Celina disse…
CORRUPÇÃO, UMA DOENÇA QUE PRECISA SER VENCIDA NA DIRETORIA DE ENSINO DE ARARAQUARA.
COM POLITICOS, GOVERNANTES, JUSTIÇA, PROCURADORES DE ESTADO QUE ESTÃO LÁ PARA JULGAR NÃO PARA PROTEGER CRIMINOSOS QUE DESVIAM VERBAS DA EDUCAÇÃO.

Roubar é tomar dinheiro ou bens que pertencem a outros. Há muitas formas de roubar: com ou sem violência, enganando ou não quem está sendo roubado.
Nossa sociedade considera o roubo um crime, a ser sempre punido. Nenhuma sociedade em que o roubo seja aceito consegue sobreviver. A corrupção é uma forma de roubo em que existe a conivência de quem toma conta do dinheiro ou dos bens roubados – por exemplo, dentro de uma empresa ou em negócios entre empresas e entre pessoas e empresas. Quem se deixa corromper, ajudando o ladrão ou facilitando sua ação, rouba também, porque fica com uma parte do que foi roubado ou obtém alguma vantagem pessoal em prejuízo de quem foi roubado.
A palavra corrupção é, no entanto, mais usada quando o dinheiro ou os bens roubados são públicos – isto é, de propriedade de todos – e quem rouba ou facilita o roubo exerce funções de governo, ou seja, são os próprios responsáveis pela guarda ou pela administração desse dinheiro ou desses bens. Para que haja “desvio” de dinheiro público, como se diz, tem de haver, dentro e fora do governo, uma rede de interessados em sugá-lo para seus bolsos.
No Brasil, esses “desvios” transferem muitos bilhões de reais das contas públicas para autoridades desonestas e seus cúmplices. É dinheiro que deveria ser usado para ajudar a resolver nossos angustiantes problemas sociais e que a sociedade perde o que traz mais sofrimento, doença, fome e falta de perspectivas para milhões de pessoas.
A corrupção é uma perigosa deterioração dos costumes sociais. É como uma doença que vai contagiando e destruindo os órgãos em que ela penetra.
Celina de Carvalho Souza
souzaecarvalho@hotmail.com
Gustavo disse…
É PRECISO LUTAR CONTRA A CORRUPÇÃO NAS ESCOLAS É POSSIVEL VENCER

É ciência de todos que atuam na educação que a corrupção existe dentro das escolas, caminha livremente infectando a todos de uma forma ou de outra, escapando poucos que se imunizam deste vírus, estão vacinados com doses de ética, honestidade, trabalho, coerência e determinação. Estes lutam sabendo que é possível a vitória contra os “sabichões” corruptos que utilizam os recursos da escola em beneficio próprio tirando o direito de todos terem uma educação de qualidade.
A certeza na vitória esta exemplificada na atuação de alguns pais de alunos de Araraquara no ano de 2005 na diretoria de ensino de Araraquara - SP, levantou a bandeira contra a corrupção e descobriu um esquema grandioso de desvio de verbas publicas destinadas aos alunos, onde os diretores de escola desviam os recurso da APM, apresentando balancetes falsos à FDE - Fundação do desenvolvimento do ensino - 22 diretores de escola foram processados e aguardam o resultado do processo onde vários diretores de escola utilizavam os recursos financeiros com notas fiscais frias de firmas que não existiam, até agora nehum destes 22 diretores foram exonerados, o processo segue na 1ª comissão processante - Procuradora do Estado Drª Helena Omena Lopes de Farias Zuffo.
Nossa intençaõ era colocar tudo ao vivo na TV para toda a população usuaria da escola pública de Araraquara seria um fato inédito na história da Educação do Estado de São Paulo, diretores de escola serem exonerados ao vivo. Mesmos os diretores tendo apoio dos órgãos responsáveis pela secretaria da educação de SP, porque há muitos grandões envolvidos, a ex dirigente sendo indicada por um político e influente na região ela foi praticamente absolvida. Infelizmente não foi punida judicialmente.
Lamentavelmente ficou constatado nesta luta que a maioria dos funcionários e educadores desta escola apoiam as ações ilícitas dos referidos diretores provando também que a contaminação da corrupção e o medo atingem grande parte das pessoas. É PRECISO MUDAR ESTA CONCEPÇÃO DE APOIAR CORRUPTOS. É PRECISO TER CIÊNCIAS QUE SÃO ELES QUEM DESTROI TUDO DE BOM QUE TEMOS COMO EDUCADORES E SERVIDORES PÚBLICOS. É PRECISO ACABAR A CORRUPÇÃO.
Temos certeza que existem grupos organizados (verdadeiras quadrilhas de ladrões) especializados em tais esquemas.
É preciso muita investigação, muita luta muito compromisso e vontade de vencer das pessoas honestas que realmente querem uma escola melhor para todos. LUTAR É PRECISO, através da união e quem sabe a criação de uma ORGANIZAÇÃO NÃO GOVERNAMENTAL – ONG possamos encontrar forças e caminhos para travar esta batalha que se faz necessário neste momento histórico. Não bastam salários dignos, é preciso também dignidade dentro de nós, para o que fazemos da nossa profissão, dos recursos do governo do estado e também da educação. É POSSIVEL VENCER.

ONDE ESTA A CORRUPÇÃO? DENTRO DAS ESCOLAS?

Gustavo H Ceribelli Yamazaki
Vanessa disse…
FIQUEM DE OLHO NOS RESULTADOS DOS PROCESSOS DA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO NÓS ESTAMOS DE OLHO BEM ABERTO, AGUARDANDO O RESULTADO DOS PROCESSOS ADMINISTRATIVOS DISCIPLINARES DOS 22 DIRETORES DE ESCOLA PROCESSADOS NA 1ª UNIDADE PROCESSANTE - Dra Helena Omena Lopes de Farias Zuffo – Procuradora do Estado. Coordenadoria de Procedimentos Disciplinares da Procuradoria DA DIRETORIA DE ENSINO DE ARARAQUARA;

CORRUPTOS E FRAUDADORES do erário são pessoas sem qualquer escrúpulo, capazes de qualquer coisa, como forjar e destruir documentos e provas, subornar ou ameaçar testemunhas, intimidar os oponentes, atacar a integridade dos acusadores e até mesmo atear fogo na escola, se julgarem necessário.
Deles pode esperar-se todo tipo de ações de contravenção e bandidagem. Não se deve baixar a guarda e nem recuar, pois é isso o que eles esperam.
Devem-se ter estratégias estabelecidas e planejadas com antecedência, para todos os possíveis ataques. É importante nunca deixar se envolver nas tramas desses bandidos, que geralmente contam com a impunidade. Eles se julgam acima dos demais cidadãos, por terem realizados diversas falcatruas e terem escapados impunes. Não entre no jogo. Responda a tudo que fizerem com argumentações claras, evite polemica, apresente provas.
Vanessa Stella Duarte
Silvio disse…
CORRUPÇÃO NA DIRETORIA DE ENSINO DE ARARAQUARA - 22 DIRETORES DE ESCOLA CONTINUAM DENTRO DAS ESCOLAS ATUANDO NA IMPUNIDADE.
A maior amiga Giulia dificuldade em combater a corrupção dentro das escolas é a quem e como fazer a denuncia. Geralmente todos têm medo de denunciar porque sabem a deficiência do sistema da justiça brasileira que é demasiadamente lenta e às vezes comprometida com o poder executivo. Os corruptos são em número maior e crêem na impunidade e tem apoio de políticos influentes, muitos pensam ser impossível acabar com a corrupção e evidentemente as incertezas gera medos. Realmente não temos muito a quem recorrer em caso de querer fazer uma denuncia ou combater de frente os corruptos.
Os Sindicatos que lutam pela melhoria na educação seguem por uma linha de atuação que não tem como ou não querem enfrentar o problema da corrupção dentro das escolas, talvez motivado temendo for prejudicados nas negociações em pauta com o governo nas reivindicações na luta da categoria onde certamente sairiam prejudicados caso tivessem envolvidos em muitos processos no ministério público contra os corruptos.
O ministério público só atua se for provocado com provas convincentes e os envolvimentos dos denunciantes onde todos terão de passar por questões judiciais e infinitas reuniões de acareações e todo trâmite que a justiça exige e isto afugenta qualquer um de querer enfrentar sozinho ou em pequeno grupo os corruptos.
Hoje os melhor meio que têm de enfrentar a corrupção, sem vínculos com partidos, sindicatos, ministério público e outras entidades é criar uma ONGANIZAÇÃO NÃO GOVERNAMENTAL, uma ONG a qual poderia ser criada por no mínimo cinco ou mais pessoas com interesse de combater a corrupção dentro das escolas. Para isto basta o interesse, a coragem e o compromisso de lutar para engajar mais pessoas nesta luta. FIQUE BEM CLARO QUE NÃO DESCARTAMOS O APOIO DOS PARTIDOS, SINDICATOS E O MINISTÉRIO PÚBLICO, o que definimos é que estes não têm como objetivo imediato esta luta direta com os corruptos. É evidente que vamos precisar do apoio de todas estas instituições.
Para formação de uma ONG é preciso apenas uma reunião com no mínimo cinco pessoas para planejar estratégias e começar a agilizar a parte burocrática da ORGANIZAÇÃO definindo metas, objetivos, estatutos e quadros.
Silvio W Soares.
Jaime disse…
Giulia quando vejo asituação da Diretoria de ensino de Araraquara e até agora 22 diretores impunes e dentro da escolas felizes da vida, sabe lá fazendo o que;
Confesso que as vezes penso em desistir! Ando cansado de ver tanta ignorância! Um dia destes estava na cantina da empresa onde trabalho, e conversava com um amigo sobre Imposto de renda na fonte (aquele que eu pago todo mês, em não tenho retorno nenhum), do lado um amigo operário da produção ouvia e exclamou: "Ainda bem que sou isento e não pago imposto!", pronto, lá fui eu explicar ao amigo X: "Amigo X, vc compra feijão, farinha, pão, leite, pega ônibus, paga luz, compra pirulito para seus filhos? Então amigo vc paga imposto sim e muito!". Pelo menos esse se esforçou e aprendeu, saiu dali com outra visão de como os governantes, de um modo quase geral no brasil (é minusculo mesmo), gasta muito e mal! Sem falar nas maracutaias dos corruptos eleitos por essa maioria que não pensa! É um quadro triste! Mas eu continuo!
Jayme Iani Hortêncio
cremilda disse…
Reunião com o Secretário ???
Como ???
O secretário não se reúne com pobres mortais.
Só se reúne com a Apeoesp e com representantes dos professores.
Os pais só são úteis para votar, e olha que nem isso está preocupando ninguém
Já observou o horário politico ?
Observe.
Não tem um candidato que fale aos pais.
Nenhum se comprometeu a ouvir os pais caso seja eleito.
Então os pais não tem representantes.
Já pensou se todos os pais de aluno de escola pública resolvesse não votar em ninguém ???
Giulia disse…
Mas não vamos deixar de cutucar, né?rsrs
Anônimo disse…
Eleições: Massafera é o candidato com maior patrimônio na regiãoMassafera, que tenta reeleição como deputado estadual, registrou queda da riqueza entre 2006 e 2010. Dimas Ramalho (PPS), deputado federal, viu seu patrimônio crescerPor Felipe Turioni
Tamanho do Texto:
Embora com diminuição de seu patrimônio entre os anos de 2006 e 2010, o candidato à reeleição Roberto Massafera (PSDB), que tenta vaga na Assembleia Legislativa, ainda é o mais rico da região entre os que buscam a reeleição. Os dados foram declarados ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e mostram que o patrimônio de Massafera caiu de R$ 6,470 milhões declarados em 2006 para R$ 5,770 milhões neste ano.Por meio de sua assessoria, o candidato atribuiu a queda no valor de seus bens ao mercado agrícola, que não rendeu lucros nos últimos anos.

Dimas Ramalho (PPS), também candidato por Araraquara e que tenta a reeleição como deputado federal, foi o que mais viu seu patrimônio crescer. Os dados demonstram alta de R$ 727,8 mil em 2006 para R$ 1,27 milhão, em 2010. Ramalho justificou o aumento afirmando que recebeu uma herança de uma irmã, morta em 2006, além de juntar dinheiro com verbas indenizatórias do Ministério Público (MP), quando era promotor antes de se eleger.

Postagens mais visitadas deste blog

A expulsão é legal?

Escola pública ou particular. Qual a sua opção?...

Respeito ao aluno, 3ª Parte. A expulsão da escola