Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2008

Revista na escola é abuso!

Nossa amiga professora Glória traz em seu blog um vídeo em que a pedagoga Simone Carlberg fala sobre o abuso das revistas realizadas pela polícia nas escolas e desnuda de uma vez por todas o autoritarismo da rede pública no Brasil, onde a força armada é sempre benvinda para amedrontar os alunos, geralmente tratados como "trombadinhas" em potencial pelas escolas que costumam chamar a polícia a fim de "completar" sua ação pedagógica. Outras ações "educativas", como por exemplo a exibição do filme Tropa de Elite para turmas de 6ª Série, vêm reforçar essa imagem esquálida e retrógrada da realidade educacional no país.

A entrada da polícia nas escolas é uma invasão autoritária, extremamente perigosa para o sistema democrático que a gente sonha em ter dentro das escolas.
Simone Carlberg

Assista o vídeo aqui http://gloria.reis.blog.uol.com.br/

Assista também os vídeos que mostramos em novembro sobre revistas policiais nas escolas públicas:
http://educaforum.blogspot.…

Baixar o nível

Hoje vou baixar o nível! Ah, se vou!!! Já que não tem adiantado nada toda a “boa educação” que procuramos manter neste blog e nos documentos que encaminhamos às autoridades, então que se dane!

Realmente, no Brasil a lei não vale absolutamente nada e a democracia é uma piada. Aqui no Estado de São Paulo, o mais poderoso do País, a educação é uma enorme decepção. Não bastando os índices oficiais, que mostram uma qualidade de ensino pior do que em outros estados muito mais pobres, o espírito democrático está rolando ladeira abaixo de forma cada vez mais vertiginosa.

Os Conselhos de Escola têm se tornado tribunais de exceção para a expulsão de alunos, com o aval da Secretaria da Educação, que nunca se manifestou contra essa prática ilegal e absurda. Isso só ocorre porque a eleição dos Conselhos é realizada de forma também ilegal e os pais “escolhidos” não representam seus pares, mas diretores autoritários e retrógrados. Então, dá-lhe expulsão e perseguição de alunos, cobrança ilegal de taxa…

O papel dos pais na Escola

Pelos comentários que recebemos na postagem anterior me parece que está havendo um pequeno engano quanto ao papel dos pais na escola.
Quando se fala que os pais devem participar do processo pedagógico da escola isso não significa absolutamente que o pai vai dizer ao professor como ele deve dar sua aula! Isso seria um absurdo qualquer que fosse o nível cultural dos pais que interferissem a esse ponto.
Na verdade, o professor que fez o comentário erra totalmente ao achar que faz alguma diferença o nível cultural dos pais pois o que eles devem fazer na escola de seus filhos não implica em ter conhecimento formal da "matéria dada".
Seria como pensar que o Conselheiro de Saúde pode interferir no diagnóstico de um médico ou dizer o que ele deve prescrever para um paciente. Claro que ele NÃO PODE fazer isso! Mas pode sim saber se o paciente foi bem atendido, se o médico lhe deu um tratamento a seguir que surtiu resultado, se foi encaminhado para um especialista, se a receita é legíve…

Governadôôôôôr?

O governador José Serra está "convidando" os pais a pintar as escolas, varrer, cortar grama etc.
O que isso significa, Governador? Que mais uma vez os pais devem se recolher à sua "insignificância"?...

Nós é que "convidamos" a esclarecer como vai ser conduzido o processo de eleição dos Conselhos de Escola este ano. Mais uma vez papeizinhos informando os pais três dias antes da data estipulada? Ah! Nem precisa convidar, pois os pais já estarão mesmo na escola, limpando os banheiros ou colocando cortininhas, até na sala da diretoria. Não é?...
Aguardamos a publicação do processo de eleição dos Conselhos de Escola no site da SEE!!! Ou o assunto é insignificante, comparado com o "mutirão"?

A posição dos pais

Ainda a respeito do artigo Educação sem povo, mencionado no último post, resolvi inserir outro comentário no site da Veja, pois os depoimentos dos professores passam por cima de um ponto essencial do texto, que é a posição dos pais.
Mais uma vez vou ser “arrogante” e afirmar que muitos professores não leram direito ou não entenderam o texto do artigo. Nós pais não queremos ditar ou indicar qualquer método de ensino. O que nos angustia é ver que a alfabetização das crianças não ocorre na idade certa e que muitas falhas permanecem durante toda a vida, como a dificuldade para verbalizar assuntos, entender textos ou fazer pesquisas. O final do artigo é revelador: Tenho certeza de que, se esses pais fossem ouvidos, gostariam que seus filhos tivessem acesso a todos os métodos possíveis, ministrados por professores comprometidos ou, no mínimo, neutros. Infelizmente, esses pais e professores não são ouvidos, e enquanto a nossa educação não for verdadeiramente democrática - do povo e para o pov…

A receita da exclusão

O novo artigo de Gustavo Ioschpe no site da Veja, Educação sem povo, http://veja.abril.com.br/gustavo_ioschpe/index_170108.shtml mostra a necessidade de discutir a educação envolvendo toda a sociedade, inclusive os pais de alunos. Inseri o seguinte comentário:
A Constituição permite que os pais de alunos participem do Conselho de Escola. É nessa instância que eles deveriam ser ouvidos, mas o sistema cria mecanismos de exclusão na quase totalidade das escolas públicas do país. A receita é simples: a convocação para a eleição dos membros do Conselho de Escola costuma ser enviada aos pais dois ou três dias antes da data estipulada, em "papelzinho" de 5 cm de largura, entregue ao aluno na esperança de que ele o perca, o que acontece em muitos casos. Em outros, os pais vão até à escola, questionam o motivo de receberem a convocação tão em cima da hora e ouvem que não é necessário que eles participem, pois a direção da escola dá conta de tudo. Para completar o quadro, muitas escola…

Boa dica!

A nossa amiga psicóloga Mirian Giannella enviou o link do site SOS Papai e Mamãe, um espaço muito interessante para orientação de pais separados, no sentido de diminuir os conflitos que tornam os filhos ansiosos e infelizes. http://www.sos-papai.org/br_index.html
O site é bem consistente, oferece artigos e muita informação, inclusive jurídica.

Apenas 48% dos jovens brasileiros estudam

Reforçando o fato de que apenas 30% dos jovens matriculados no Ensino Médio conseguem terminar o curso, segue matéria do site www.aprendiz.com.br informando que apenas 48% dos jovens brasileiros estudam e 20% não estudam nem trabalham. Quem ainda acha que a educação brasileira “vai bem” não precisa ler esta matéria. Mais uma vez repito aqui que nosso objetivo não é demonizar o profissional do ensino (não sei porque muitos vestem a carapuça, rsrs), mas conscientizar sobre a gravidade de um assunto que há décadas é empurrado com a barriga pelo governo e pela sociedade.

Quase sete milhões de jovens não têm emprego e estão fora da escola

Contrariando imagens estereotipadas referentes à juventude brasileira, mais de 80% dos jovens desenvolvem alguma atividade considerada legítima e apropriada para a idade: estudam, trabalham ou fazem as duas coisas ao mesmo tempo. Entretanto, quase 20% dos jovens não estudam nem trabalham, o que representa um contingente de quase sete milhões de pessoas entr…

A Escola Pesadelo

Escola é lugar de sonhos!
Sonhos do futuro, sonhos de realizações, sonhos de relacionamentos, sonho de formação, sonho de descobertas, sonho de crescer!...
Infelizmente, para algumas crianças ela se torna um pesadelo e o pior é que este pesadelo se estende e vira um pesadelo coletivo de toda uma família!
Quem viveu isso sabe do que estou falando!...
O problema escolar permeia toda a relação pais-filhos, filhos-familiares-pais, pais-sociedade, filhos-sociedade, pais-escola.... e por aí vai... Um pesadelo sem fim!
Sei que isso pode parecer radical demais mas o conselho que dou pra quem caiu nessa teia é: esqueçam a escola!!!!!!!!!
É uma luta insana onde todos vão sofrer muito, o tempo vai passar e nada vai se resolver pois as pessoas que se dizem "profissionais de ensino" - e a própria sociedade em geral - não estão preparadas pra lidar com isso!
E o que é esquecer a escola?
Esquecer a escola é coloca-la com sua devida importância dentro da vida da criança e das relações familiares e …

O pai vai processar a escola!

O pai da aluna disléxica de que trata o post http://educaforum.blogspot.com/2008/01/viva-inteligncia-dos-pais.html resolveu mesmo processar a escola. Leia a matéria publicada no caderno AQUI do jornal O Estado de Minas:
Cadê a inclusão?
Pai busca na justiça correção do que considera um conceito viciado

A palavra da moda na educação brasileira é inclusão. E faz sentido; afinal, se estamos tentando colocar o país nos trilhos, se queremos incutir o sentimento de solidariedade e garantir a cidadania, a escola é a base de todo o trabalho. Por isso e, principalmente, porque é pai, Antônio Albino de Abreu Mendes vai à Justiça contra uma escola particular da cidade que reprovou sua filha, desconsiderando suas necessidades básicas. O administrador Antônio Albino tem mais dois filhos no Colégio Magnum e reconhece que a instituição é séria, mas não se conforma com o fato de sua filha de 9 anos ter sido reprovada por demonstrar dificuldades no aprendizado. Foi orientado pela escola a encaminhar a ga…

Lei imbecil, governador idem

Eu não tenho mais "saúde" para discutir a imbecilidade de certas leis e dos "nossos" governantes. Faço minhas as palavras da Cremilda, uma das poucas vozes lúcidas neste país de marias-vão-com-as-outras, sobre a decisão de proibir o uso do celular apenas na rede estadual de São Paulo. Não me espanta nem um pouco essa atitude discriminatória do governador. Afinal, a rede estadual de São Paulo é aquela que apóia e promove abertamente a expulsão de alunos via Conselho de Escola!
Refresque sua memória sobre o assunto, lendo os posts anteriores http://educaforum.blogspot.com/2007/10/barraco-na-tv.html http://educaforum.blogspot.com/2007/10/o-barraco-no-youtube.html http://educaforum.blogspot.com/2007/11/o-brasil-na-contramo-do-progresso.html

Mais uma covardia contra alunos da escola pública Cremilda Estella Teixeira
O jornal Folha de São Paulo está divulgando que somente os alunos da escola púlica estadual é que serão proibidos de usar telefone celular. (Serra proíbe celular…

Viva a inteligência dos pais!

Recebemos hoje a carta de mais um pai de aluna disléxica, em Belo Horizonte, descrevendo de forma inteligente a situação difícil e o esforço que envolveu toda a família, na tentativa de ajudar a criança a passar da 3ª à 4ª Série, numa escola particular. Fica bem nítido o elitismo dessa escola, que tende a expulsar os alunos que não lhe servem para manter-se nos primeiros lugares do ranking no mercado. Realmente, no Brasil a educação ou é comércio (na rede particular) ou corrupção (na rede pública). Se ficar o bicho pega, se correr o bicho come...
O pai da aluna nos pediu uma orientação: bem, Antonio, essa escola merece ser processada por Oferta irregular de ensino - Art VII - Parágrafo 2º do Estatuto da Criança e do Adolescente, pois ela não ofereceu à aluna as "estratégias de recuperação paralela" a que tinha direito conforme o Art 12º - IV da LDB, mencionado em sua própria mensagem, nem se sensibilizou com a excelente recuperação oferecida pela própria família, que fez a c…

Maus professores

Finalmente a sociedade acordou para o fato de que existem maus professores, da mesma forma como existem maus médicos, maus engenheiros, maus funcionários públicos etc. etc. O mito do professor “santo” e “mártir” está acabando e o nosso amigo Mauro, do Movimento Comunidade de Olho na Escola Pública, foi um dos primeiros a levantar essa “lebre”, há muitos anos. Leia a carta que o Mauro enviou à Folha de São Paulo e que serviu para alimentar ainda mais a polêmica:

Educação - 06/01/2007(Painel do leitor)"Todo mundo fala que devemos investir na formação do professor, na capacitação continuada, nas boas condições de trabalho, na boa remuneração, mas não vemos ninguém apresentar soluções para acabar com os ‘maus professores’! A valorização dos bons professores só terá efeito prático se punirmos ou demitirmos os maus professores." MAURO ALVES DA SILVA (São Paulo, SP)
A carta do Mauro recebeu a seguinte resposta do professor sindicalista Renato Ferreira de Brito:

Educação - 07/01/2008(P…

Professor não é coitado!

Ainda sobre o artigo de Gustavo Ioschpe publicado na Veja em 07/12/07 e comentado no post http://educaforum.blogspot.com/2007/12/o-coitadismo-do-professor.html, leia as mensagens dos professores Sandra Lúcia Delfim e Anderson Paulino de Souza, publicadas hoje no site da Veja. Professores como esses e muitos outros que temos a honra de receber neste blog dignificam a profissão e mostram uma luz no final do túnel. A leitora Renata mostra também um viés interessante dessa questão polêmica que finalmente está vindo a público: "O fator mais preocupante que não foi mencionado pelo autor do texto é o seguinte: os profissionais que opinaram são os que ainda buscam um mínimo de leitura e se posicionam.Há ainda os que sequer têm acesso ás informações ou não lhes interessa participar de qualquer debate esclarecedor, por não ter paixão pelas idéias. Sim. Esses "professores " existem. São aqueles que vêem na profissão apenas uma forma de sustento material."
Comentário da professo…

A escola esquizofrênica

A Editora Humana convidou novamente o EducaFórum a colaborar para o seu anuário. Desta vez, o interesse da editora se voltou para a Cartilha sobre os Direitos dos Alunos. A Cartilha é uma “criação coletiva” realizada em 2002 e contou com a colaboração de todos os amigos relacionados abaixo. Para comentar a Cartilha escrevi o artigo A escola esquizofrênica, que acabou de ser publicado no livro Educação 2008.
Atenção, novo! A pedido de alguns internautas que tiveram dificuldade em localizar os fatos relatados no artigo, introduzi os links correspondentes.

A idéia de escrever a Cartilha sobre os Direitos dos Alunos partiu de frases e expressões negativas ouvidas por pais e alunos da boca de professores ou profissionais do ensino. Algumas, os próprios membros do EducaFórum “colecionaram” durante suas antigas reuniões mensais na Câmara Municipal de São Paulo. Outras foram retiradas de e-mails recebidos do Brasil inteiro. Hoje, o EducaFórum é um espaço virtual que recebe mensagens de todos os…